fbpx

Antes de criar o podcast, Bruno e Igor tinham canais de jogos eletrônicos.[3] Porém, de acordo com Bruno, “gameplay nunca deu tanto dinheiro”.[4] Em 2014, Igor criou um canal de jogos eletrônicos, onde jogava Grand Theft Auto, mas ele “[acabou] ficando maluco”.[5] Bruno e Igor estavam “putos com a vida”, com ambos concordando que o Flow Podcast é “fruto do ódio” e “da depressão”.[6] Para o nome do podcast, Bruno inicialmente sugeriu o nome “Cult Flow”, mas Igor disse que apenas Flow ficaria melhor.[7]

De acordo com Bruno, o Flow Podcast é diferente de outros podcasts devido à liberdade, criando “um espaço onde o convidado se sente à vontade de explorar ele mesmo”, sem pauta, sem conversa prévia e, em alguns casos, sem conhecer bem o entrevistado, criando uma “relação humana”.[8] O podcast foi inspirado totalmente em The Joe Rogan Experience, de Joe Rogan.[9][10] No início, Bruno e Igor bancavam todos os custos do Flow Podcast, mas isso parou a partir de fevereiro ou março de 2020, quando os custos começaram a se pagar.

Atualmente, Bruno e Igor vivem apenas do Flow Podcast, e ganham dinheiro a partir de patrocínios, AdSense e Twitch. Eles também têm um canal de cortes, que contém apenas trechos de seus podcasts.[11] Planejam, no futuro, fazer episódios especiais na América do Norte.[12] Quando perguntados se eles pensavam em adaptar o Flow para rádio ou televisão, Igor respondeu que “A gente precisa da liberdade, se não tiver liberdade, aí é outro programa.”[13]

Categories: Podcasting

0 Comments

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *